19 de abril de 2017

COINCIDÊNCIA OU NEGLIGÊNCIA: MORRE OUTRA CRIANÇA NO HOSPITAL DE COARI EM CIRCUNSTÂNCIA PARECIDA

Algo tem que ser feito! 


Não se trata de política, se trata de vida humana! É questão de mortalidade infantil! Casos tem quer ser apurados e resultado tem que comunicado para população. 

Veja como familiares registraram, mais um fato ocorrido:


Veja mais:


O Blog Em Destaque divulgou com muito pesar o caso da morte de Heloanny, a filinha sonhada e esperada pelo casal Hueilon Vieira Soares e Deisy Anne dos Santos Cordeiro, a primeira filha do casal! Segundo o pai, houve negligência porque a criança teria passado da hora de nascer, vindo à falecer, mesmo estando no hospital. O caso ganhou grande repercussão (LEIA AQUI). 

Para piorar a situação, MAL o caso de Heloanny havia sido divulgado, a história de mortes de bebês se repetiu. Desta vez, mais um casal chorou a morte do primeiro filho esperado: o Benjamin. Segundo familiares, com 39 semanas de gravidez, com um quadro complicado, a mãe foi mandada para casa, quando retornou na semana 40, o diagnóstico foi de que a criança havia morrido no ventre da mãe.

Seria CONSCIDÊNCIA ou é algo estranho o que está acontecendo no Hospital Regional de Coari? Há vários procedimentos que necessitam ser investigados... Os equipamentos de ultrassonografia estão funcionando? O parto humanizado está sendo realmente humanizado ou está atrelado às regras econômicas? As famílias que passaram por este trauma estão recebendo acompanhamento ou tudo está na base do "deixa pra lá"? 

É necessário que haja uma investigação séria mediante a denúncia que as famílias têm feito. Inclusive deve ser verificado oficialmente quantos casos realmente ocorreram nos últimos meses, em virtude de serem casos de órfãos de naciturnos. Conselho Tutelar, Polícia e a própria prefeitura através de seus órgãos de controle interno têm obrigação de entrar no caso, se não, o temor de "ganhar nenê" no Hospital de Coari pode se transformar num verdadeiro caso de desespero.


2 comentários:

  1. Ao acompanhar a materia da reportagem! deixo meus pesames a todos que sofrem com a dor da perda. Sou uma vitima tambem dessa negligencia hospitalar, e digo mais muitos são os casos de bebes que morrem e ninguém fala nada. HÁ CINCO ANOS ATRAS ISSO JÁ ACONTECIA E PRA ELES É COMUM, MAS PRA QUEM PERDE NÃO É. depois de cinco anos depois hoje tenho uma filha linda que hoje esta em meu colo! não graça a este hospital que muda governo mais seus métodos não mudam! Tive que deixar minha casa, deixa minha família e ir ate a capital pra poder hoje ter minha bebe ao meu lado!Ao chegar lá descobrir fiz os mesmos exames que fiz neste hospital de coari e enfim descobriram qual meu problema. Sei como é perder seu primeiro filho deixo meus pesar a todos os casais .

    ResponderExcluir
  2. Isso é muito revoltante! Temos que dá um basta em tudo isso.
    Estamos falando de vidas perdidas, de famílias que sofrem.

    ResponderExcluir

1. O Blog em Destaque reserva-se o direito de não publicar ou apagar acusações insultuosas, mensagens com palavrões, comentários por ele considerados em desacordo com os assuntos tratados no blog, bem como todas as mensagens de SPAM.